top of page
  • movE Eletromobilidade

Tendências tecnológicas para carregadores de veículos elétricos

O reconhecimento facial e o biométrico para recarga de veículo elétrico e a possibilidade de recarregar o carro - a casa e/ou os eletrodomésticos ao mesmo tempo - estão entre as atuais tendências tecnológicas para carregadores de veículos elétricos. 


Neste artigo a gente vai aprofundar um pouco sobre estas tendências que, sim, mostram o quanto o mercado de veículos elétricos (VEs) está em constante evolução, e como as tecnologias de carregamento também se transformam para atender às novas demandas. Acompanhe o texto e boa leitura! 


Carregamento eficiente

O aumento da popularidade dos carros elétricos, mostra uma crescente demanda por infraestrutura de carregamento mais eficiente, conveniente e inteligente. Não por acaso, são as tendências tecnológicas para carregadores de veículos elétricos que estão moldando o futuro da mobilidade sustentável.


Por isso, para impulsionar as tendências tecnológicas de carregadores, percebemos algumas tendências também com relação aos VEs, como: 


Aumento da autonomia 

Além de mais baratas, as baterias dos VEs estão ficando mais potentes, o que reduz a quantidade de vezes que precisam ser recarregadas. 


Além disso, o tempo de recarga das baterias está diminuindo e, este, é um dos maiores desafios para a adoção em massa de veículos elétricos. 


Tecnologias de carregamento de alta potência estão sendo desenvolvidas para reduzir significativamente esse tempo. 


>> Neste blog post falamos mais sobre as diferenças entre os tipos de tempo de carregamento. 


Alguns carregadores, como os ultrarrápidos, são capazes de fornecer - em apenas alguns  minutos - energia suficiente para percorrer centenas de quilômetros. E, sim, eles já são uma realidade. 


Essa tecnologia promete revolucionar a experiência de recarga, aproximando-a da conveniência do abastecimento de combustíveis tradicionais.


Redução de preços 

Os VEs estão se tornando mais acessíveis, principalmente devido à chegada de carros elétricos chineses com preços mais competitivos. Assim, eles devem concorrer no mercado com modelos movidos a combustão de grandes montadoras, que são mais vendidos no mercado. 


Aliás, os carros elétricos caminham para atingir uma paridade de preço com os carros à combustão, considerando os segmentos de luxo e dos sedans esportivos. 


Esse aumento e melhoria dos VEs, impulsiona a demanda por infraestrutura de recarga, o que leva a mais estações de recarga disponíveis, inclusive em condomínios residenciais. 


Aliás, os condomínios que estão atentos a este movimento de pontos de recarga internos, saem na frente para atender à demanda de recarregar os VEs em casa.  


>> Neste texto, a gente falou mais sobre a instalação de pontos de recarga nos condomínios: 



Aumento de frotas com VEs

A sustentabilidade é um tema recorrente quando o assunto são os VEs. Como prova social da preocupação no assunto, grandes empresas descobriram que uma das consequências dos VEs  é a descarbonização do planeta. Assim, utilizam-os na sua frota, fato que gera ganhos em reputação de marca, sem falar na economia financeira. 


A tendência é de que esse segmento cresça ainda mais em 2024. 


Avanço e conveniência para os condutores

Com tais mudanças de comportamento em relação ao veículo elétrico, não é de se espantar que os carregadores tragam ainda mais avanço e conveniência para os condutores. Entre as novidades mais interessantes em tecnologia de carregamento, estão os carregadores com reconhecimento facial, por exemplo. 


Se já estamos acostumados com o reconhecimento facial e a biometria para acessar diversos estabelecimentos, como recepções e até mesmo shows e jogos de futebol, o mesmo sistema passa a ser utilizado para os aparelhos de recarga usados em veículos elétricos. 


Ao utilizar um software de reconhecimento facial para identificar o usuário, é possível acessar o painel de uma solução como o Smart Charging, por exemplo, e iniciar o processo de recarga. A ideia é que tanto a recarga quanto o controle da quantidade de energia utilizada esteja cada vez mais de fácil acesso para os condutores. 


Outra forma de carregamento para prestar atenção são os carregadores bidirecionais, que permitem que os VEs sejam usados como baterias de reserva para fins como: 


- abastecer os eletrodomésticos em casa, na modalidade Vehicle to Load (V2L)

- tornar a bateria do carro uma geradora de energia móvel, para abastecer a residência ou locais privados, no caso do Vehicle to Home (V2H);

- enviar ou adquirir energia da rede da concessionária da cidade, direto da bateria, como na situação Vehicle to Grid (V2G), que ainda não é permitida no Brasil, mas que já existe em outros países.     


Essa flexibilidade, oferece benefícios como:

  • Redução nos custos com energia elétrica;

  • Aumento na confiabilidade da rede elétrica;

  • Suporte à integração de energias renováveis.



Protocolos de comunicação para o bom funcionamento 

Todas estas facilidades, no entanto, precisam ser orquestradas por um protocolo de comunicação padrão para estações de recarga de VEs, o Open Charge Point Protocol. 


Também conhecido como OCPP, atualmente sua versão mais utilizada é a 1.6, porém a versão mais recente é a  2.0. 


Saiba mais sobre o OCPP 2.0: 


As atualizações do protocolo são constantes, justamente para que possam acompanhar as mudanças tecnológicas que o mercado sugere com bastante rapidez. 


Além do OCPP, outro protocolo cada mais mais relevante para o mercado é o Open Charge Point Interface (OCPI). Desenvolvido pela EVRoaming Foundation, basicamente o OCPI é o protocolo responsável por proporcionar ao usuário o acesso a diversos pontos de recarga por um mesmo aplicativo, mesmo que os carregadores sejam de redes diferentes. Essa prática é chamada de interoperabilidade e possibilita um maior conforto ao usuário, já que através dela o condutor não precisa fazer o download de diversos aplicativos.


A movE acompanha de perto as mudanças tecnológicas do mercado, para oferecer ferramentas e soluções que contribuam para o conforto e a conveniência dos condutores de veículos elétricos. Sabemos que essas tendências tecnológicas aceleraram a adoção de VEs, deixando-os mais acessíveis. Conheça nossas soluções e vamos, juntos, construir um futuro mais sustentável.  


8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page